domingo, 23 de novembro de 2008

Americana tinha verme a viver na cabeça (?)

Uma americana foi operada a um tumor na cabeça, mas durante a intervenção cirúrgica os médicos constataram que o que estava junto ao seu cérebro era um verme bem alimentado e não o início de um cancro.

Primeiro sentiu dores de cabeça e achava que era gripe. Mais tarde, com as dores a aumentar, Rosemary consultou especialistas e foi-lhe diagnosticado um tumor na cabeça.
Foi marcada uma operação, mas quando os cirusgiões abriram o crânio de Rosemary Alvarez, descobriram um verme que estava a viver junto ao seu cérebro.
Segundo o médico Peter Nakaji a mulher apanhou o verme ao comer carne mal cozinhada e este acabou por encontrar caminho para o cérebro.
A notícia preocupou os cirurgiões e serve de aviso para a importância de comer carne bem cozinhada.
Fonte: Sol

Casal processa McDonald's por divulgação de fotos da mulher nua

Um casal americano processou a McDonald's após fotos da mulher, nua, terem aparecido na internet. O marido diz que se esqueceu do telemóvel num dos restaurantes da multinacional.

Phillip Sherman deixou o seu telemóvel, com fotos da mulher nua ou em poses provocantes, num restaurante McDonald's de Fayetteville, no Arkansas, em Julho. Pouco tempo depois as fotos estavam na internet, assim como o nome, morada e contactos do casal.
Segundo Phillip, que está agora a processar a McDonald's, os empregados do restaurante foram contactados por ele quando se apercebeu do esquecimento e prometeram guardar o telemóvel até ele poder lá voltar.
Os Shermans afirmam também que foram forçados a mudar de casa devido a chamadas ofensivas e mensagens que começaram a surgir relacionadas com a divulgação das fotos e informações na internet.
O casal quer uma indemnização de 2,4 milhões de euros por danos morais mas também financeiros, tal foi a mudança que teve de ocorrer na sua vida. A McDonald's não fez comentário até agora.
Fonte: Sol

Após 42 anos... Vaticano perdoa John Lennon (mais vale tarde do que nunca!)

O jornal oficial do Vaticano "perdoou" John Lennon por uma frase que chocou a Igreja Católica há mais de 40 anos. Na altura, o membro dos Beatles disse que a banda era mais famosa que Jesus Cristo.

Um artigo de elogio aos Beatles serviu ao L'Osservatore Romano, o jornal oficial do Vaticano, para perdoar John Lennon por um "insulto" proferido há mais de 40 anos.
Foi em 1966 que Lennon, numa altura em que a sua banda estava no topo do mundo, afirmou a um jornal britânico que os Beatles eram mais famosos que Jesus Cristo e disse que não sabia o que iria acabar primeiro, a cristandade ou o Rock & Roll. A frase caiu que nem uma bomba no Vaticano e indignou católicos um pouco por todo o mundo.
Agora, o jornal do Vaticano afirma que John Lennon estava apenas a gabar-se e dedicou um texto ao 40º. aniversário do White Album, dos Beatles.
O L'Osservatore Romano mudou de director recentemente e agora, além de apresentar a agenda diária do Papa e os seus discursos, apresenta frequentemente artigos de entertenimento e reportagens de assuntos internacionais.
No artigo sobre a banda de Liverpool, o jornal destaca a "estranha alquimia de sons e palavras" e refere que as canções dos Beatles mostraram uma extraordinária capacidade de sobrevivência, permanecendo o White Album como uma "antologia musical mágica".
Fonte: Sol

Um carro económico fabricado em Portugal Magalhães Móvel

MAIS UM EVENTO DO SÓCRATES... O HOMEM NÃO PÁRA ...
Prevê-se até ao fim do próximo ano, produzir e vender 1.000.000 destes maravilhosos descapotáveis.
Para quem se inscrever através da internet, o valor do Magalhães Móvel é de 99€ !!!

Aproveite esta nova oportunidade!!

Campanha feminina contra Homossexuais....

Irritadas com a explosão da onda gay no mundo inteiro, as mulheres finalmente foram à luta e lançaram uma campanha mundial com a distribuição em massa desta T-shirt.

Ser cremado na Provincia é bem mais simples !!!!

Um Lisboeta, de passagem pela Provincia, foi surpreendido com a notícia de que um amigo seu morreu, e seria enterrado naquela tarde.
Chateado com a situação, a perda de um amigo do peito, procurou saber onde seria o velório e foi para lá.
Ao chegar, viu que no caixão estava o morto inteiramente nu e ao lado um grande pote cheio de creme, no qual cada um dos presentes metia a mão e após apanhar um pouco, passava sobre o defunto.
Surpreendido pela cena, coisa inusitada para ele, aproximou-se da esposa e perguntou:
-Desculpe-me a ignorância, mas o que estão a fazer é tradição por aqui?
A esposa respondeu:
Não! Nunca fizemos. Mas ele pediu para ser cremado..

Cego?

video

Nascido para ser Selvagem!! e mais nada!

sexta-feira, 21 de novembro de 2008

110º Aniversário do nascimento de René Margritte


quarta-feira, 19 de novembro de 2008

Livre, calções para baixo e GOLOOOOOOO

Era um livre frontal, preparava-se para o bater, a barreira estava pronta. Tudo normal, aparentemente. Mas repare-se na segunda vaga de jogadores do Catania. Posicionam-se atrás da barreira e, antes de Mascara chutar, um deles... baixa os calções. Remate, golo.
Aconteceu no domingo, na vitória do Catania sobre o Torino (3-2), em partida da Serie A italiana. O autor da provocação foi o avançado Plasmati, que completou o golpe recuando a tempo, junto com os jogadores que o acompanhavam, para fugir ao fora-de-jogo no momento do remate. «O objectivo era dificultar a visibilidade do guarda-redes», assume Pietro del Monaco, dirigente do Catania, defendendo que nada ali viola as regras, embora admita que «o bom gosto é relativo».
O caso deu obviamente que falar, e levou a um comentário com humor de Pierluigi Collina, o antigo super-árbitro que é agora responsável pelas nomeações dos juízes. «Agora temos que reparar também nos calções baixados na área», constatou Collina, dizendo que o comportamento não é contra os regulamentos, mas pode ser considerado conduta anti-desportiva, mesmo que o gesto não tenha tido intenção de «ofender o público ou provocar um adversário».

Cão atropelado sobrevive apesar de ser arrastado vários quilómetros

Um cão foi atropelado em Itália por um carro a mais de 110 km/h, que o arrastou por 24 quilómetros na grelha frontal. Ainda assim o 'milagre' aconteceu e o pequeno cachorro está vivo, apenas com uma perna partida.

É aquilo a que se pode chamar uma hipótese num milhão. Um pequeno cão foi atropelado por um automóvel que seguia a mais de 110 km/h em Cozze, no Sul de Itália. Não só resistiu ao impacto como sobreviveu a mais 24 quilómetros em que ficou preso no carro em andamento, até o condutor chegar a casa.
Quando Marco Manozzi, o condutor, chegou a casa, ficou pasmado com o que viu na frente do carro. O cão estava preso dentro da grelha frontal do seu carro, que tem algum espaço livre até ao radiador. Foi aí que o cachorro ficou encaixado.
O condutor apercebeu-se do acidente, mas achava que o cão tinha ficado morto na estrada. Mais espantado ficou quando viu que não só não tinha ficado na estrada, como estava vivo ainda, e chamou então um veterinário.
O cão, que tem uma perna partida e algumas escoriações está agora num canil a recuperar enquanto espera um dono, de preferência que ande apenas de bicicleta.
Fonte: Sol

"Machos latinos" em extinção

A imagem do "macho latino", o homem feio e mau, com preconceitos em assumir que tem cuidados com a imagem, está a cair por terra. A conclusão é do estudo realizado pela revista masculina Mens Health.

Segundo o estudo, citado pelo Correio da Manhã, 91% dos cerca de 1800 inquiridos não tem qualquer pudor em assumir que tem cuidados com a aparência.
O rosto é a zona do corpo que mais cuidados que merece por parte dos homens portugueses, os quais utilizam entre dois e três produtos de cuidados pessoal além do campo, dentífrico e desodorizante.
Cerca de 1500 homens usam cremes hidratantes, enquanto 820 dizem usar também um gel de limpeza. Quase 1400 inquiridos disseram estar dispostos a submeter-se a um tratamento estático, elegendo o branqueamento dentário e a limpeza facial como os preferidos.
Fonte: Sol

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

David James treinou mal, sabe qual foi o castigo?

O guarda-redes do Portsmouth, adversário do Sp. Braga na Taça UEFA, foi considerado pelos colegas como o jogador com pior desempenho no treino de quinta-feira. Desse modo, David James ganhou uma boleia insólita até casa. O plantel comprou um carro para, todos os dias, levar o jogador que treinar pior para casa. Mas não foi um veículo qualquer.
O guardião teve de conduzir um Reliant Robin, um carro com três rodas (só tem uma à frente) e que, neste caso, estava kitado com um speaker, que reproduzia sons de animais. O carro ficou célebre pela série cómica Only Fools and Horses, da BBC.
David James não fugiu à brincadeira e apareceu no treino do Portsmouth com o dito carro, de cor azul, a mesma do clube que representa, depois de passagens por Watford, Liverpool, Aston Villa, West Ham e Manchester City.
A aplicação do internacional inglês deverá ser outra a partir de agora, de modo a poder voltar ao conforto do Chrysler, que conduz habitualmente, e deixar o velho Robin para outro companheiro.

Karateca marroquino condenado em tribunal por... amor ao Barcelona

Um jovem karateca marroquino, de 18 anos, foi condenado a um ano de prisão com pena suspensa, depois de ter escrito no quadro da sua escola «Deus, pátria e Barça», uma adaptação livre do lema nacional de Marrocos «Deus, Pátria e Rei.»
Levado a tribunal pelo crime de ofensa ao lema nacional e ao rei Mohammed VI, um crime que pode valer penas até cinco anos de prisão, Yassine Belassal foi condenado em primeira instância, vendo depois o tribunal de recurso suspender a execução da sentença.
Adepto fervoroso do Barcelona, e campeão de karaté nos escalões de formação, Belassal, que se confessou culpado, manifestou-se feliz por evitar a prisão, mas receia que a decisão do tribunal ponha em causa o seu futuro desportivo: «Tenho medo que a selecção nacional não me queira por causa deste processo», admitiu em declarações à AP.
O advogado de defesa, Mustapha Errachidi, manifestou a opinião de que o julgamento foi injusto, uma posição secundada pela Liga dos Direitos Humanos daquele país.

Rapaz projectado pela janela da casa de banho quando accionou ambientador

Um rapaz de 13 anos estava sentado na sanita quando saiu disparado pela janela da casa de banho depois de ter accionado o ambientador de aerosol enquanto brincava com um isqueiro.

Dennis Bueller, de 13 anos, carregou no spray de ambientador e depois começou a brincar com um isqueiro. Altamente inflamável, o produto que estava no ar em contacto com o lume provocou uma violenta explosão que projectou o adolescente pela janela, escreve o Daily Mirror. "Subitamente estava no meio de uma gigante chama cor-de-laranja", disse o rapaz. "Acordei já lá fora com a roupa queimada e a cheirar a churrasco".
Dennis, que vive em Recklinghausen, Alemanha, sofreu queimaduras na cara e corpo, precisando de meses de tratamentos médicos.
Fonte: Sol

Cheiro corporal dos homens é decisivo para seduzir mulheres

O cheiro corporal dos homens é decisivo para seduzir uma mulher, que através do olfacto consegue identificar aqueles que são biologicamente compatíveis, revelou uma investigadora norte-americana.

Rachel Herz é professora da Universidade de Brown e, nos últimos 17 anos, dedicou-se a estudar os mecanismos do olfacto. Ontem, esteve em Lisboa e foi uma das oradoras convidadas da conferência As regras da Atracção na Culturgest.
"O odor corporal tem um grande efeito para as mulheres, que se sentem sexualmente atraídas por determinados cheiros. A mulher consegue reconhecer quem é biologicamente compatível e quando um homem cheira 'mal' cria-se uma barreira que não permite intimidade", explicou a investigadora.
A explicação prende-se com a reprodução: "As mulheres são muito selectivas na hora de escolher o parceiro e futuro pai dos filhos. E por isso procuram o homem mais saudável". Ao que parece, através do olfacto as mulheres conseguem perceber qual é a escolha acertada.
Lembrando que actualmente os homens conseguem "esconder" os seus cheiros corporais com recurso a perfumes, Rachel Herz explica que depois de apaixonadas as mulheres passam a aceitar os cheiros, mesmo que desagradáveis.
"Cada pessoa tem um cheiro. Não existem duas pessoas com o mesmo cheiro, a não ser que sejam irmãos gémeos", lembrou a professora.
Outra das novidades apresentada por Rachel Herz prende-se com o facto de os homens gays preferirem o cheiro dos outros gays ao dos homens heterossexuais assim como estes também repudiarem o cheiro dos gays, sem nunca saber à partida qual a orientação sexual do cheiro que estão a sentir.
A conferência As Regras da Atracção, que termina hoje, pretende fazer um ponto da situação sobre as relações na sociedade actual. "É obvio que não existem regras da atracção definidas. O que há é um conjunto de circunstâncias que fazem com que hoje se verifique um conjunto de comportamentos", lembrou Rui Andrade, comissário da conferência que vai abordar ainda temas como o desejo sexual feminino, as atracções entre prostitutas e clientes ou os brinquedos sexuais.
Fonte: Sol

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

"Eleanor Rigby" dos Beatles era uma criada de hospital

Os Beatles sempre disseram que "Eleanor Rigby" personagem que dava nome a uma das suas músicas, era fictícia, mas um documento mostra que ela existiu. Era uma criada pobre de um hospital e o documento que o prova vai agora a leilão. Espera-se que ultrapasse os 600 mil euros.

Paul McCartney sempre negou que Eleanor Rigby fosse uma pessoa real. Mas, afinal, a protagonista de uma das músicas mais "tristes" dos The Beatles, de 1966, existiu mesmo. Era uma pobre criada do hospital da cidade de Parkhill, que ganhava em 1911 um salário de 14 pennies.O documento que prova a identidade de Eleanor, originário do estúdio de Paul McCartney, vai agora a leilão e espera-se que ultrapasse os 600 mil euros.A proprietária é Annie Mawson, que trabalhava numa escola de ensino especial na Cúmbria, e escreveu a Paul McCartney em 1990 para relatar a história de uma criança autista "ajudada" pelas músicas dos Beatles. Em troca, alguém do estúdio lhe respondeu numa carta que continha o documento.
Em 1966, McCartney explicou que escolheu o nome Eleanor Rigby a partir de dois outros: Eleanor Bron colaborou com os Beatles no filme "Help!" e Rigby era uma firma de Bristol, Rigby & Evens, que vendia bebidas alcoólicas.No entanto, foi descoberta nos anos 80 uma lápide com o nome Eleanor Rigby, num cemitário de Liverpool, onde McCartney e John Lennon costumavam ir apanhar sol.A Eleanor "verdadeira" faleceu em Outubro de 1939, com 44 anos, e não era tão solitária como a canção fazia crer, pois era casada.

Fonte: Sol

Mulher de 90 anos vivia em casa com os cadáveres de três irmãos

Uma mulher de 90 anos vivia numa casa com os corpos de três irmãos, sendo que um deles morreu no início dos anos 80. A senhora tinha uma vida normal e relacionava-se bem com os vizinhos.

O comandante da polícia de Evanston, um subúrbio em Chicago, conta que a polícia encontrou os corpos depois de as autoridades terem sido alertadas por um advogado. A mulher foi levada para o hospital onde está sob observação.
As autoridades identificaram os corpos que pertencem a Anita Bernstorff (irmã mais velha), vista viva pela última vez em Maio de 2008, Frank Bernstorff, desaparecido desde 2003 e Elaine Bernstorff que foi vista pela última vez nos anos 80.
Preparam-se agora autópsias aos corpos dos três irmãos, mas a polícia não suspeita de assassino. Os vizinhos descerevem a mulher idosa como sendo uma pessoa lúcida e que gosta bastante de tricotar. Gosta ainda de jardinagem e partilha as suas plantas com os vizinhos.
Fonte: Sol

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Monges envolvem-se em pancadaria num dos locais mais sagrados de Jerusalém

Monges arménios e ortodoxos gregos envolveram-se numa batalha campal num dos locais sagrados mais importantes para os cristãos, a Igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém. No meio da confusão, os judeus tiveram de "intervir", ou seja, a polícia israelita.
Foi uma cena inesperada para os muitos peregrinos que visitavam a Igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém, um dos locais mais importantes para os cristãos.
De um momento para outro instalou-se a confusão entre dois grupos de monges, arménios e gregos ortodoxos, e a pancadaria que se seguiu era tudo menos um exemplo de valores cristãos, com as decorações e tapeçarias sagradas a serem espezinhadas e atiradas ao chão.
Tudo começou quando os arménios se preparavam para iniciar a anual 'Festa da Cruz' e os gregos se aproximaram do local. Murros, pontapés e objectos atirados transformaram a 'festa' numa 'batalha' com os judeus, a polícia israelita, a terem de intervir.
Foram presos dois monges, um de cada 'facção', e muitos sofreram ferimentos ligeiros.
Os gregos acusam os arménios de não os deixarem usar aquele local para assinalar a sua fé. Já os arménios afirmam que os rivais violaram uma das suas cerimónias tradicionais.
Fonte: Sol

Antigo assaltante devolve dinheiro e pede desculpa em carta

O dono de uma loja indiana de Inglaterra recebeu um presente inesperado: uma carta com 100 libras e um pedido de desculpas de um antigo toxicodependente, que tinha roubado cigarros no estabelecimento em 2001.



Imran Ahmed não queria acreditar quando abriu uma carta que recebeu. O lojista de Bristol, no Reino Unido encontrou dentro do envelope 100 libras (122 euros) e um pedido de desculpas de um antigo assaltante.
"Caros senhores, escrevo esta carta para pedir desculpa por algo que fiz no passado", começa a carta do ladrão arrependido, que roubou 20 maços de cigarros da loja indiana de Imran em 2001.
O assaltante confessa ainda na missiva que era um toxicodependente na altura e que entretanto conseguiu libertar-se das drogas e orientar a sua vida. Está agora apostado em 'pagar' por alguns dos erros cometidos no passado.
Quanto ao lojista, ficou tão impressionado com a situação que prefere dar o dinheiro para caridade em vez de o guardar.
Fonte: Sol

Obama vai comprar cachorro para levar para a Casa Branca

A Casa Branca tem tradição de ter cães presidenciais. Obama não quer fugir à tradição e já prometeu às filhas que vai comprar um cão para suDurante a campanha presidencial, Obama prometeu às filhas que iriam adoptar um cão independentemente do resultado das eleições.

Deixou também claro que quer recolher um cão vadio. «Amo-vos tanto, tanto, e digo-vos que ganharam o cãozinho que vai connosco para a Casa Branca», disse Obama a Malia, 10 anos, e a Sasha, sete, durante o seu discurso da vitória em Chicago.
Mesmo depois de já ter dito preferir um rafeiro, fazem-se apostas sobre a raça escolhida pelo novo líder. Numa sondagem realizada pelo American Kennel Club, 42 mil norte-americanos escolheram a raça poodle, espécie de caniche, para a família Obama.
O presidente George W. Bush tem dois terriers, Barney e Miss Beazley, e um gato, Willie. Barney mordeu hoje o dedo de um repórter e tem um site só para si, além de brilhar sempre nos vídeos de Natal. ceder ao famoso Barney de Bush.
Fonte: Sol

sábado, 8 de novembro de 2008

"Barackomania" chega ao Quénia...

Muitas mães no Quénia vêm celebrando a vitória histórica de Barack Obama nas eleições presidenciais americanas dando a seus filhos o nome do presidente eleito e da sua mulher, Michelle.
Um dia depois das eleições, mais da metade dos bebes nascidos num hospital de Kisumu receberam o nome de Barack ou Michelle Obama. Kisumo fica perto do vilarejo onde o pai de Obama nasceu e cresceu.
O democrata se tornou um herói nacional, e a região comemora desde quarta-feira a sua vitória na corrida à Casa Branca.

Dos 15 bebes que nasceram no New Nyanza Provincial Hospital, em Kisumu, cinco meninos receberam o nome de Barack Obama e três meninas, o de Michelle Obama. Pamela Adhiambo, que teve um casal de gémeos na noite depois das eleições, deu aos dois os nomes de Barack e Michelle Obama.
“Eu tinha decidido dar esses nomes aos gémeos antes das eleições e, mesmo se Obama não tivesse vencido, eu teria feito o mesmo”, disse Adhiambo, que convidou Obama e a mulher para visitar os filhos. Adhiambo disse esperar que os nomes motivem seus filhos a trabalhar duro e alcançar tanto quanto o casal Obama. Outras mães também disseram que admiram o casal e esperam que seus filhos sejam, no futuro, inspirados a realizar grandes conquistas por compartilhar seus nomes.
Fonte: BBC Brasil

Droga: Overdoses, matam um português por dia...

No ano passado, Portugal registou mais de 300 mortes por overdose de drogas, o que corresponde a uma média de um óbito por dia, indicam os dados do relatório do Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência (OEDT), divulgado quinta-feira.


quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Um Jardineiro com estilo tem um porshe!!!

video

Até dói!

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Cúmulo da Censura

Proibir uma mulher de abrir as pernas mesmo na hora do parto.

Cúmulo da Burrice

Olhar pelo buraco da fechadura numa porta de vidro

Anedota...

Na Madeira, chega um menino à beira da professora e diz:
- Sra. Professora, a minha coelha teve cinco coelhinhos e são todos P.S.D.!
- Muito bem! Olha, amanhã vem cá o Sr. Alberto João Jardim e tu contas-lhe essa história. Está bem?
- Está bem! - Responde o menino. No dia seguinte, o Alberto João Jardim vai visitar a escola e, como combinado, a professora chama o menino. O menino dirige-se à beira do presidente e diz:
- Sr. Presidente, a minha coelha teve cinco coelhinhos e dois são do P.S.D.!
- Então, - diz intrigada a professora - não eram os cinco?
- Eram... mas três já abriram os olhos!

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Prioridades: Homem vs Mulher..

Fonte: 7FM

sábado, 1 de novembro de 2008

Foi assim que Napoleão perdeu a Guerra!!!

Por que quando estamos em pé, mas com o tronco do corpo tombado, as pessoas dizem "foi assim que Napoleão perdeu a guerra"?

Porque quando o exército de Napoleão estava voltando da Rússia, os soldados estavam tão exaustos e havia tanto gelo que eles mal conseguiam andar. Fatigados, eles acabavam tombando na neve, com as pernas e o tronco formando um ângulo de 90 graus.

O orgasmo feminino em 6 fases!

Asmática:
"Ahh... ahh... ahh..."

Geográfica:
"Aqui, aqui, aqui..."

Matemática:
"Mais... mais... maisssss"

Religiosa:
"Ai, meu Deus! Ai, meu Deus!"

Suicida:
"Ahhhh, acho que vou morrer..."

Homicida:
"Se paras agora, MATO-TE! "

AFINAL, O QUE É SEXO?

Segundo os médicos :
é uma doença, porque acaba sempre na cama.

Para os advogados:
é uma injustiça, porque há sempre um que fica por baixo.

Segundo os alentejanos:
é uma máquina perfeita, porque é a única em que se trabalha deitado.

Segundo os arquitectos:
é um erro de projecto, porque a área de lazer fica muito próxima da área de saneamento.

Segundo os políticos:
é um acto de democracia perfeito, porque todos gozam independentemente da posição.

Segundo os economistas:
é um efeito perverso, porque entra mais do que sai. Às vezes, nem se sabe bem o que é activo, passivo, ou se há valor acrescentado.

Segundo os contabilistas:

é um exercício perfeito: entra o bruto, faz-se o balanço, tira-se o bruto e fica o líquido. Em alguns casos, pode ainda gerar dividendos.

Segundo os matemáticos:
é uma equação perfeita. A mulher coloca a unidade entre parênteses, eleva o membro à potência máxima e extrai-lhe o produto, reduzindo-o à sua mínima expressão.
Finalmente, para os psicólogos:
é fodido de explicar.